Allfabetização

Este postal é - creio - uma fotografia retirada dum dos dois filmes que há dias vi sobre as campanhas de alfabetização, as tais em que eu gostaria de ter participado em Agosto último se ... Esta cena do filme era comovente: uma mulher que até aí não sabia comunicar por escrito, conseguir fazê-lo. A procura das sílabas, o gesto hesitante, o voltar atrás para corrigir ou desenhar melhor a letra !!! Deve ser bestial um tipo descobrir que sabe ler, não achas? (1974)

Escrevivendo e Photoandando

No verão de 1996 resolvi não ir de férias. Não tinha companhia nem dinheiro e não me apetecia ir para o Mindelo. "Fechado" em Setúbal, resolvi escrever um livro de viagens a partir dos meus postais ilustrados que reavera, escritos sobretudo para casa em Luanda ou para a mãe do Rui e da Susana. Finda esta tarefa, o tempo ainda disponível levou me a ler as cartas que reavera [à família] ou estavam em computador e rascunhos ou "abandonos" de outras para recolher mais material, quer para o livro de viagens, quer para outros, com diferente temática.

.

Depois, qual trabalho de Sísifo ou pena de Prometeu, a tarefa foi-se desenvolvendo, pois havia terras onde estivera e que não figuravam na minha produção epistolar. Vai daí, passei a pente fino as minhas fotografias e vários recorte, folhetos e livros de "viagens", para relembrar e assim escrever novas notas. Deste modo o meu "livro" foi crescendo, página sobre página. Pelas minhas fotografias descobri terras onde estivera e juraria a pés juntos que não, mas doutras apenas o nome figura na minha memória; o nome e nada mais. Disso dou por vezes conta nas linhas seguintes.

.

Mas não tendo sido os deuses do Olimpo a impor me este trabalho, é chegada a hora de lhe por termo. Doutras viagens darão conta edições refundidas ou novos livros, se para tal houver tempo e paciência.

VN

quinta-feira, 2 de agosto de 2007

Lisboa - Alfama, Castelo, Graça e Miradouros

.
Lisboa Quinhentista
- pormenor de uma gravura alemã publicada na obra de Giorgius Braunius Agrippinensis - Civitatis Orbis Terrarum

a) Rossio, com o Hospital de Todos os Santos e o Palácio dos Estaus

b) Paço Real e Castelo de S. Jorge

c) Sé ou Igreja de Santa Maria Maior

d) e) Muralhas

.

.
Terreiro do Paço, Sé, Alfama e Graça vistas do Rio Tejo
.



.
Lisboa vista do Miradouro da Graça
.

.
GRAÇA - LISBOA - 1922 (acidente rodoviário)
.


.
Graça - Vila Sousa
.
.
Graça - Vila Aberta
.
.
Vista aérea do Panteão Nacional (Igreja de Santa Engrácia)
.

.
Soalho do Panteão Nacional
.
.
Convento de S. Vicente de Fora e Panteão Nacional vistos do Castelo de S. Jorge
.
.
Vista do Castelo de S. Jorge para Ocidente
foto digitalizada de Armando Cardoso
.
Praça da Figueira vista do Castelo de S. Jorge

.
Castelo de S. Jorge - pormenores
,
.
Castelo de S. Jorge - foto de 1877
.
.
Rua na Freguesia do Castelo
.
.
Castelo de S. Jorge
.

.
Mouraria. Alfama e Castelo vistos do Elevador de Santa Justa

. .
Alfama e Castelo vistos do Miradouro de S. Pedro de Alcantara

5 comentários:

Belisa disse...

Olá
Aqui estou olhando e lendo o "escorrer da pena e do olhar" e só posso dizer que é fantástico!
Não é de maneira nenhuma que o digo só por dizer, mas é o que sinto, pois em todos os posts, aprendo sempre muita coisa. Admiro o grande trabalho e cultura, que deve ser necessário para tal.
Como eu gostaria de escrever e sentir que sou útil para as pessoas...
Sinto-me feliz por ter amigos e também "amigos na net".
Beijos estrelados
de
Belisa

redonda disse...

As fotografias e imagens estão incríveis.

Lalage disse...

Adorei descobrir este post!

Sim, as vilas operárias da Graça podem ser um óptimo tema para uma reportagem fotográfica. Tanto mais que se estão a descaracterizar. A Vila Agapito Estrela agora é um condomínio e a Vila Rodrigues tem um portão que impede os curiosos de espreitarem...

Lalage disse...

Não esqueci, apenas tenho estado muito ocupada em Braga. Só no Natal é que devo ir a Lisboa :) Nessa altura cumprirei a minha parte que é tirar fotos. Depois faremos a reportagem. Ok?

Maria, Simplesmente disse...

Entrei por Setúbal e vim parar aqui!...
O Google tráz-nos onde bem lhe apetece e nós seguimos como se duma aventura se tratasse.
Quria ir ao Forte de S. Filipe e acabei no Castelo de S. Jorge, e no "Ao (es)correr da pena e do olhar" mas valeu a pena.
Até à próxima viagem.
Maria