Allfabetização

Este postal é - creio - uma fotografia retirada dum dos dois filmes que há dias vi sobre as campanhas de alfabetização, as tais em que eu gostaria de ter participado em Agosto último se ... Esta cena do filme era comovente: uma mulher que até aí não sabia comunicar por escrito, conseguir fazê-lo. A procura das sílabas, o gesto hesitante, o voltar atrás para corrigir ou desenhar melhor a letra !!! Deve ser bestial um tipo descobrir que sabe ler, não achas? (1974)

Escrevivendo e Photoandando

No verão de 1996 resolvi não ir de férias. Não tinha companhia nem dinheiro e não me apetecia ir para o Mindelo. "Fechado" em Setúbal, resolvi escrever um livro de viagens a partir dos meus postais ilustrados que reavera, escritos sobretudo para casa em Luanda ou para a mãe do Rui e da Susana. Finda esta tarefa, o tempo ainda disponível levou me a ler as cartas que reavera [à família] ou estavam em computador e rascunhos ou "abandonos" de outras para recolher mais material, quer para o livro de viagens, quer para outros, com diferente temática.

.

Depois, qual trabalho de Sísifo ou pena de Prometeu, a tarefa foi-se desenvolvendo, pois havia terras onde estivera e que não figuravam na minha produção epistolar. Vai daí, passei a pente fino as minhas fotografias e vários recorte, folhetos e livros de "viagens", para relembrar e assim escrever novas notas. Deste modo o meu "livro" foi crescendo, página sobre página. Pelas minhas fotografias descobri terras onde estivera e juraria a pés juntos que não, mas doutras apenas o nome figura na minha memória; o nome e nada mais. Disso dou por vezes conta nas linhas seguintes.

.

Mas não tendo sido os deuses do Olimpo a impor me este trabalho, é chegada a hora de lhe por termo. Doutras viagens darão conta edições refundidas ou novos livros, se para tal houver tempo e paciência.

VN

sexta-feira, 31 de agosto de 2007

Internet - Mundo dos Zapping



Fica sempre a nostalgia do que se perdeu ou não foi alcançado

Victor Nogueira escreveu:
.
Não acredito em "cadeias" mas a verdade é que deixamos quase sempre para amanhã aquilo que gostaríamos de dizer a quem merece a nossa estima ou amizade. E a vida é tão frágil que no próximo instante o amanhã poderá inexoravelmente deixar de existir e fica apenas o vazio ou o nada, com a nostalgia do que se perdeu e a dor do que não foi alcançado ou com as palavras definitivamente cristalizadas..
.
E se de algum modo estás na minha lista é porque por ti tenho estima e consideração. Sei que o silêncio será de muitos/as a resposta a uma chama breve como é a do fósforo que se acende e breve se apaga!
.
Chama cuja desaparição se não nota no dia soalheiro ou cuja falta se sentirá no regresso da escuridão.
.
Victor Manuel
_________________

Victor
.
como vc é dengoso! gosto muito de ti amigo!
.
beijos
.
X1
_______________

Victor Manuel bom dia.
.
Adoro receber um e-mail seu, escreves tão lindo, és realmente um poeta. Se continuares a me escrever tão lindas pérolas assim eu corro o risco de me apaixonar por você.
.
Amigo distante deixo aqui o meu carinho na poesia de meu mestre Venicius de Moraes.
.
Bjs X2
__________

Supersticiosa ou não, devo dizer que achei lindo, por isso não deixo para amanha e digo hoje.
.
Tenho uma grande alegria em ter-te como amigo. Gosto muito de ti. Mesmo ausente é grande o carinho que tenho por ti.
.
O meu novo mail: (...)
.
Já tenho adsl daí os novos mail
.
beijinhos querido amigo
.
X3
__________

Victor Manuel
.
bom dia meu internauta preferido.
.
Amigo não se bloqueie, nunca deixe pra amanhã quando sentir necessidade de expressar o seu sentimento, seu carinho pra uma pessoa amiga. Dizem que os europeus são difíceis de demonstrar isso, mas nós brasileiros não, somos um povo muito espontâneos, adoramos demonstrações de amizade, carinho. Não sabemos nada do amanhã, então torna-se necessário fazermos o "hoje".
.
Te conheço faz tão pouco tempo mas já estou nutrindo por você uma bonita amizade, já fico aqui diante desse micro esperando uma palavra carinhosa, um poema seu, ........
.
Boba que sou deverás pensar. Mas sou assim, pura sensibilidade e bem querência. Nada sei do amanhã, então não faço economia em demonstrar carinho quando alguém me conquista. Deixemos fluir isso que vem surgindo entre amigos distantes, se esforce homem carismático que te espero sempre. Não tardes pra mim, essa internauta que não te conhece nos contornos mas que já te gosta muito.
.
Beijinhos carinhosos da X4

______________

Acredito que haverá sempre um amanhã, um novo amanhã. Que o que não fizeste hoje, sempre poderás reparar. Que é certo que quanto mais cedo te depurares, menos terás para ressarcir.
.
Que a vida é um abrir e fechar de olhos continuado. que cada vez que se fechamos os olhos, veremos melhor ao abri-los de novo. Que se deve viver a vida como se cada dia fosse o último.
.
Que a mágoa não se deve sobrepor ao sorriso. Que errar é humano, mas que devemos reparar os erros. Também se impõe a tolerância e a compreensão, bem como o amor. E tudo isso começa por nos tolerarmos, perdoarmos e amarmos anós próprios, para podermos senti-lo puramente pelo próximo. Que o espiritual deve sofrer um estímulo constante e cada vez mais tempo dededicação. Que devemos, melhor que decorar o nosso poema preferido, escrever, criar, a nossa frase, o nosso verso, o nosso conto....
.
Para lá das trevas, para lá do mar revolto, acena a esperança, esperança de que a principal lição aprendida seja a de que a luz vem de dentro de nós, tal como a paz nos é intrínseca....
.
Até amanhã amigo
.
E boa noite.
.
X5

______________

Olá Victor!
.
As tuas palavras são sempre muito adequadas! E de mim só tem restado o silêncio! Isso causa-me tristeza, mas apenas posso ficar com ela. Sei que estou na tua lista de amigos/as, obrigada tbm pela atençao que tens conseguido manter, para mim! E não tenho conseguido retribuir! Um dia (mts dias) pensei que poderia ser tua amiga!
.
Hoje parece-me que não posso transmitir-te essa amizade! Nem sei se deva! Guardo-a! Desejo-te uma boa vida, muitas coisas boas. Manda-me os mails que entenderes. Gosto sempre de ler, de ver, de saber de ti! Escrever-te-ei aqui, umas frases de vez em quando, tá? Bom verão, boas férias.
.
BeijinhoS
.
X6
.
P.S. De 13 a 22 deste mês vou à Irlanda. Deseja-me que o avião em que vou seja apenas mais um dos que por aí vão e vêm!

2 comentários:

De Amor e de Terra disse...

Olá Victor, bom dia!
São realmente interessantes as Amizades internautas; quase todas como borboletas, na sua efémera existência, tão curta é a sua duração.
Algumas ficam, para muito tempo ou para sempre, neste sempre também ele efémero que é a nossa vida...
e tal como nela, tudo se tranforma e repete...
mas, enquanto duram, na sua maioria, iluminam e encantam.

Bj

Maria Mamede

Maria, Simplesmente disse...

Regresso ao passado se pode chamar a minha vinda aqui...
Interessa-me mais o que escreveste em anos recuados do que o que escreves agora que tão pouco é.
Zapping!... Tens razão!
Mas há coisas a que não podemos fazer zapping e gostaríamos de fazer.
Eu sou uma das pessoas que raramente faço zapping, sabes porquê?...
Porque mesmo que queira fica sempre cá dentro algo que não posso apagar...
Até te digo que tenho pena de ser assim. Gostava de fazer zapping e não gravar nada em mim.
Isto quer acredites ou não.
Bj
Maria